Forças do regime continuam os ataques na Síria

Na Síria, nos bombardeios que recentemente intensificaram os ataques do regime e seus defensores que violam o cessar-fogo em Guta del Este e Idlib, as zonas desmilitarizadas, quase 400 civis perderam a vida.

Forças do regime continuam os ataques na Síria

A área de Guta del Este sob o bloqueio do regime de Bashar Assad na capital Damasco, a partir de 14 de novembro de 2017, torna-se alvo de ataques aéreos e terrestres do regime e seus apoiantes.

As províncias Duma e Haresta e as regiões de Hammuria, Merc, Arbin, Sakbe, Misra, Medyere, Zemelka, Cisrin, Ayn Terma e Beit Sava que estão na zona desmilitarizada enfrentam intensos bombardeios.

Nos ataques organizados em Guta del Este a partir de 14 de novembro de 2017, os cinco oficiais de defesa civil perderam 303 civis e o número de feridos ultrapassou os 1400.

Nas últimas duas semanas, a Rússia começou a dar apoio aéreo ao regime, 161 civis perderam a vida.

Os ataques da Rússia, que apoia o regime, na zona desmilitarizada em Idlib, no norte da Síria, estão em curso há três semanas.



Notícias relacionadas